Receba nosso e-book




AddThis Social Bookmark Button

 

O vice-presidente Michel Temer disse na terça-feira (8) que o governo tem que evitar “remédios amargos”para a saída da crise econômica. “Temos que evitar remédios amargos. Temos que verificar, se for possível, simplesmente cortar despesas, a tendência é esta. Quando se fala em remédios amargos, tem de ser o menor dos remédios amargos”, disse ele.

Na segunda-feira (7/9), a presidenta Dilma Rousseff afirmou, em mensagem gravada para as redes sociais, que alguns remédios para a situação atual podem ser “amargos”, mas são indispensáveis. “As medidas que estamos tomando são necessárias para por a casa em ordem e reduzir a inflação, por exemplo”, declarou a presidenta.

Temer afirmou que defende o corte de despesas sem maiores aumentos de tributos. “Tenho agora reunião com os governadores do PMDB, com os presidentes da Câmara e do Senado, onde vamos discutir esse tema, que se inicia exatamente pela ideia do corte de despesas. As pessoas não querem, em geral, qualquer aumento de tributos. Aumento de tributos é só em última hipótese, descartável desde já. Não queremos isso. Eu vou ouvir os governadores que têm condições de fazer várias sugestões, e depois, trarei essas sugestões à presidenta”, afirmou o vice-presidente.

Temer informou, no entanto, que também tratará na reunião de hoje, no Palácio do Jaburu, sobre uma possível mudança da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide), imposto que incide sobre combustíveis, como forma de aumentar a arrecadação da União e dos estados. “Mas isso vamos ver com os governadores”, concluiu ele.

Estão presentes na reunião os governadores do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão; do Rio Grande do Sul, José Sartori; do Espírito Santo, Paulo Hartung; de Alagoas, Renan Filho; de Rondônia, Confúcio Moura; e do Tocantins, Marcelo Miranda. O governador de Sergipe, Jackson Barreto, não está presente em razão de licença médica. Os presidentes da Câmara, Eduardo Cunha, e do Senado Renan Calheiros, também participam do encontro que vai discutir medidas para melhorar as contas dos executivos estaduais.

Publicado em Blog

E-book Grátis

Tudo que você precisa saber sobre impostos




Quem Somos

O Escritório Contábil Bortolotto atua há mais de 30 anos em Campinas e promove serviços contábeis diversos para empresas de todos os portes. Conta com uma equipe de funcionários altamente qualificados e preparados para fazer toda a gestão contábil de nossos usuários, além de lhes fornecer informações sólidas e consistentes que serão fundamentais no momento de tomada de decisões sobre o futuro de suas empresas.

Leia Mais...

Últimas Notícias

Arquivos

«Janeiro 2014»
Seg.TerQuaQuiSexSáb.Dom
  12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Curta Nossa Página