bortolotto-image
Escrito por helder no Abril 18, 2018 em Blog

gestão fiscal de um negócio envolve praticamente todos os setores de uma empresa. No entanto, devido à correria do dia a dia, alguns empresários acabam fazendo esse serviço de forma mecânica, não dando a atenção necessária aos detalhes.

Fazer isso pode colocar a sua empresa em grande perigo, levando você a correr risco tributário.

Mas o que é isso e como afeta o seu negócio? Confira agora a resposta a essa pergunta!

O que é risco tributário?

Tudo o que faz você correr risco envolve algo de que não tem certeza do resultado. Se o resultado fosse certo, obviamente, deixaria de ser encarado como um risco.

Tendo isso em mente, fica mais fácil entender que o risco tributário envolve situações de incerteza e vulnerabilidade com relação às leis e regulamentos sobre impostos e obrigações fiscais das empresas.

Além disso, o risco tributário também envolve ações (ou a ausência delas) da sua estratégia fiscal e tributária que abrem a possibilidade de prejudicar os seus resultados fiscais e comerciais.

Como o risco tributário afeta o seu negócio?

Deixar de dar atenção aos problemas tributários pode envolver todo o pessoal de setores como vendas, compras e finanças. Logo, é seguro dizer que o seu empreendimento, como um todo será afetado.

Por isso, evite riscos tributários como:

Pagamento errado de tributos

Constantemente ocorrem atualizações tributárias e fiscais. Caso você não esteja atento a isso, pode perder a informação nova e, consequentemente, pagar tributos de forma equivocada.

Se isso acontecer, ao receber auditorias dos órgãos fiscalizadores, a empresa pode ser multada e ter o seu orçamento comprometido.

Regime tributário errado

Atualmente, existem três tipos de regime tributário nos quais a sua empresa pode se enquadrar. Eles são:

  1. Simples;
  2. Lucro presumido;
  3. Lucro real.

Cada um deles tem documentações e tributos diferentes. Por isso, certifique-se de que está no regime tributário adequado.

Se o seu negócio estiver enquadrado em um regime sem preencher os requisitos necessários, certamente deixará de pagar impostos e pode ser obrigado a arcar com multas futuramente.

Endividamento

É verdade que as dívidas adquiridas com os órgãos do governo podem ser negociadas e pagas em um período maior de tempo.

No entanto, pensar assim é prejudicial para o bem-estar do seu negócio. Comprometer boa parte do seu orçamento dessa forma vai impedir o seu crescimento.

Afinal, o dinheiro que poderia ser usado para os investimentos, como a aquisição de novas tecnologias para a sua empresa, estará comprometido com o fisco.

Como evitar multas por erros e omissões?

Como vimos, a maioria dos erros envolvidos com o risco tributário pode gerar multas que comprometerão o seu orçamento.

Sendo assim, evite deixar de pagar um imposto propositalmente ou cometer erros tributários. Pode ser de grande ajuda contratar uma assessoria especializada no assunto.

Essas empresas são preparadas para tirar todas as suas dúvidas e guiá-lo nas melhores práticas tributárias sem perigo.

Fica claro que fazer a sua gestão fiscal de maneira eficiente, sem correr riscos tributários, evitando multas por erros e omissões, contribuirá para que o seu negócio se desenvolva cada vez melhor.

Gostou de saber o que é risco tributário e como ele afeta o seu negócio? Quer receber mais conteúdo de qualidade no e-mail? Assine a nossa newsletter!

Deixe seu comentário

Veja também